home   contact   admin

“Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo,
qualquer um pode começar agora e fazer um novo fim!” - Chico Xavier

Tradicional festa dos pretos-velhos é realizada na Zona Oeste do Rio

Uma data especial para a Umbanda. O Movimento Umbanda do Amanhã (MUDA) participou nesta quarta-feira, 13 de maio,da homenagem feita aos Pretos-Velhos na Praça dos Pretos Velhos, em Inhoaíba, na Zona Oeste do Rio. A celebração é realizada todos os anos pela  Associação de Amigos e Adeptos do Culto Afrobrasileiro e Espírita (Apaacabe). O Ogã da Tenda Umbandista Caboclo Flecheiro (TECAF), Rafael d'Xango, entoou o Hino da Umbanda. 
 
ogãs
 
 
Na foto da esquerda para direita os ogãs, Rafael d'Xango, Genaro de Xango, e o presidente do MUDA, Marco xavier
 
Para o presidente do MUDA, Marco Xavier, "Essa união é muito importante para resistência das religiões afro. O preto-velho é símbolo da Umbanda, que precisa ser respeitada como religião e cultura brasileira. A Apaacabe tem todo o apoio do nosso movimento", afirmou.
 
Estavam presentes diversos terreiros de matriz africana e brasileira, além de praticantes de capoeira. O evento terminou com uma feijoada servida aos participantes. 
 
presidente apacaab
 
 
O organizador do evento Pai Luis
 
Intolerância Religiosa
 
A festa tem um tom de resistência. No ano passado a imagem da preta-velha “Tia Maria do Sul de Minas” foi incendiada por uma demonstração evidente intolerância religiosa. Na época, o presidente da Apaacabe, Luiz de Sousa, mais conhecido como pai Luiz de Omulu, apagou o fogo. 
 
 
marco
 
Pai Luis e Pai Marco

247 comentários

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Agenda

JULHO 2018
Seg Ter Qua Qui Sex Sab Dom
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

Todos os Eventos

.